G1 Campinas | Unicamp: ‘empresas-filhas’ elevam faturamento em 20,6% e abrem 6,3 mil empregos em um ano, diz Inova

A foto mostra a placa do Parque Científico e Tecnológico da Unicamp e, ao fundo, prédios que fazem parte do Parque.
Levantamento mostra que as 1.061 companhias fundadas por pessoas ligadas à universidade estadual faturaram R$ 19,3 bilhões no período de 12 meses e possuem 44.624 funcionários.

Texto:  Fernando Pacífico, g1 Campinas e Região | Foto: Douglas-Banfalvi

As “empresas-filhas” da Unicamp faturaram R$ 19,3 bilhões nos últimos 12 meses, valor 20,6% superior ao total divulgado em outubro de 2021 e com base no mesmo intervalo de tempo, segundo a Agência de Inovação Inova, da universidade. Os dados divulgados nesta terça-feira (18) mostram também que a geração de empregos subiu 14,5% e representou abertura de 6.309 vagas diretas.

Ao todo, a Inova mapeou 1.061 empresas-filhas, que são companhias criadas por profissionais ligados à Unicamp – como ex-alunos, funcionários e professores – ou que tenham como atividade principal uma tecnologia licenciada da instituição. Também são consideradas nesta classificação as companhias incubadas ou graduadas pela Incubadora de Empresas de Base Tecnológica (Incamp).

Atualmente, o total de pessoas empregadas pelas empresas chega a 44.624, diz a agência. Nesta quinta, a Inova divulgará um relatório detalhado sobre as companhias, incluindo as áreas de atuação.

“No evento também será conhecido o Empreendedor do Ano da Unicamp 2022, uma iniciativa da Inova em parceria com o grupo Unicamp Ventures [rede de relacionamento e colaboração formada por empreendedores ligados à universidade], que reconhece e premia as boas experiências das empresas-filhas da Unicamp cadastradas em sua base”, diz nota da universidade.

No comparativo com 2021, a Inova contabilizou 42 empresas-filhas a mais. O faturamento durante o ano passado foi de R$ 16 bilhões e, à época, 38.315 estavam empregados.

Texto original publicado em G1 Campinas.